Estudantes Universitários Manifestam-se Contra Aumento de Propinas

Os estudantes do ensino superior em Angola estão a denunciar aumentos de 100 por cento em taxas cobradas por universidades públicas e privadas e a subida das propinas, estando já convocado um protesto para sábado, em Luanda. Segundo informação enviada à Lusa pelo autodesignado Movimento de Estudantes Angolanos (MEA), que convocou uma marcha de protesto para as 14h00 de sábado, em causa estão os "preços exorbitantes" que dizem estar a ser praticados pelas universidades, públicas e privadas, na inscrição e taxas de ingresso. Neste caso, segundo explicou Miguel Quimbenze, porta-voz do MEA, os aumentos, face ao ano escolar de 2015, chegam aos 100%, com taxas entre os 4.000 e os 12.480 kwanzas (23 a 76 euros). Em Angola decorre nesta fase o processo de candidaturas ao ensino superior, cujo ano lectivo deverá arrancar em Março, com os estudantes a denunciarem igualmente aumentos generalizados nas propinas, face a 2015, passando para […]

Read more

Isabel, a Princesa-Presidenta?

Nunca tendo acreditado nas fábulas vicentinas (que colocavam Manuel Vicente como sucessor presidencial), sempre me inclinei a crer que o lugar de presidente da República de Angola estava destinado ao filho-príncipe  José Filomeno dos Santos "Zenú". Eis senão quando, como diz a história, deparo com a bela princesa Isabel a posar ao lado da rotunda Nicki Minaj. O que é que a bilionária dos ovos faz ali? É uma exposição que em nada beneficia a sua imagem enquanto gestora ou businesswoman. Entretanto, percebe-se que a princesa também vai comandar o Plano Director Geral Metropolitano de Luanda (PDGML). Tanto excesso e tanta intervenção vão mais além do que qualquer racionalidade económica. Faz lembrar os versos de Camões: “O mundo todo abarco e nada aperto.” É do domínio comum que um Trump qualquer ou um oligarca russo gostam de se exibir com as suas pulseiras de ouro, os seus iates e jactos […]

Read more

Seca Causa Fome na Província do Cunene

A Igreja Católica angolana está preocupada com "a grave" seca que afeta a província do Cunene, no sul do país, e diz-se sem meios para acudir às cerca de 20 pessoas que diariamente pedem ajuda. Em declarações hoje à agência Lusa, o bispo da diocese de Ondjiva, Pio Hipunhati, considerou preocupante a situação que é generalizada a toda a província. Segundo o bispo, a igreja está sem meios para acudir às "tantas pessoas" que batem por dia à porta da igreja "à procura de alguma coisa para enganar o estômago". "Isto é generalizado a toda a província, porque no ano passado não houve colheita nenhuma. Toda a província se ressente disto", disse o bispo, acrescentando que a situação afeta mais de metade da população do Cunene, estimada em cerca de um milhão de habitantes, com destaque para o meio rural. O prelado salientou que além da falta de alimentos, a […]

Read more

“Não Há Dinheiro para Escolas Mas Há Dinheiro para Espias”

Se o 'rap' é uma expressão musical dos jovens indignados de Luanda, também ontem em Lisboa o poeta 'rapper' Bruce G cantou rimas contra o regime angolano, na manifestação de solidariedade e pela libertação dos 15 presos políticos angolanos. Bruce G, 30 anos, luso-angolano, “cantou pela liberdade” no final da vigília que juntou centenas de pessoas no Rossio, em Lisboa, em solidariedade com os 15 jovens detidos em Luanda desde junho e acusados de tentativa de golpe de Estado em Angola. De boné de pala e óculos escuros cantou primeiro um poema 'rap' em que recorda que o próprio pai foi vítima do regime angolano, na sequência do 27 de maio de 1977, em que Nito Alves e José Van-Dúnem foram acusados de tentativa de golpe de Estado em Angola. A "purga do MPLA", cantou Bruce G, provocou milhares de mortos e um “estado de medo” permanente em Angola. “Estamos […]

Read more

Liberdade: Uma Nova Bandeira para Angola

O ativista angolano Rafael Marques disse hoje à Lusa que chegou o momento de mobilizar a sociedade de Angola e preparar "a bandeira" da transição para o "período pós-José Eduardo dos Santos". “Temos de pensar seriamente em mobilizar a sociedade para as tarefas da transição política e da mudança em Angola. Este caso dos jovens (presos em junho sob acusação de tentativa de golpe de Estado) e do Mavungo (condenado a seis anos de prisão) criam uma excelente oportunidade em torno de uma causa comum que é a causa da liberdade”, disse à Lusa Rafael Marques, que se encontra em Lisboa para uma conferência sobre direitos humanos em Angola organizada pela Amnistia Internacional. Quando questionado sobre a possibilidade de criação de uma nova organização política em Angola, Rafael Marques fala de “bandeiras” em defesa da liberdade “através de todos os angolanos amantes da paz e da liberdade e amantes do […]

Read more

Amnistia Internacional Promove Debate sobre Angola em Lisboa

A Amnistia Internacional Portugal organiza na próxima sexta-feira, 18 de setembro, na Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa, uma conversa aberta sobre o estado de direitos humanos em Angola – em particular, sobre liberdade de expressão – contando com a presença do jornalista e ativista angolano Rafael Marques, da eurodeputada Ana Gomes e do escritor e jornalista angolano José Eduardo Agualusa. Rafael Marques (na foto) foi adotado como caso emblemático pela Amnistia Internacional antes do julgamento em que viria a ser condenado, em maio passado, a 6 meses de prisão em Angola com pena suspensa durante 2 anos, na sequência de denúncias de violações de direitos humanos feitas no livro “Diamantes de Sangue, Corrupção e Tortura em Angola”. O seu caso encontra-se em fase de recurso nos tribunais angolanos. Rafael Marques será inclusive um dos casos da Maratona de Cartas para 2015, o maior evento anual promovido pela organização de direitos […]

Read more

Encontro de Solidariedade para com os 15 Presos Políticos

A Rádio Despertar e o defensor dos direitos humanos Rafael Marques organizam, a 12 de Setembro de 2015, na Sala de Conferências da Sovsmo, em Viana, o Encontro de Solidariedade para com os Presos Políticos e as Vítimas da Intolerância Política. O Encontro, que irá ter a duração de três horas, terá início às 10 horas da manhã, com transmissão em directo pela Rádio Despertar e através das redes sociais. A sala situa-se no mesmo recinto da emissora que co-organiza o evento, e tem capacidade para mais de 500 pessoas. Estão convidados todos os sectores da sociedade civil, activistas, entidades religiosas, partidos políticos, artistas e todos os cidadãos comprometidos com a causa da liberdade, dos direitos humanos, da justiça e do bem-estar espiritual do povo angolano. O encontro tem por objectivo a criação de uma corrente de solidariedade aberta para com os 15 presos políticos, acusados arbitrariamente de preparação de […]

Read more

Destemidos: Familiares de Presos Políticos Mantêm Manifestação

As mães, esposas e irmãs dos 15 presos políticos recorreram hoje da decisão do governador de Luanda, Graciano Domingos, que proibiu a marcha organizada para o dia 28 de Agosto, e prometem sair à rua. “Nós não vamos ficar sentadas à espera [pela libertação] dos nossos filhos. Vamos sair mesmo à rua. É nosso direito”, afirmou Adália Chivonde, mãe de Nito Alves e uma das peticionistas. “A polícia pode espancar-nos e atirar os cães contra nós, as mães. Na marcha do dia 8 de Agosto, a polícia partiu-me um dedo do pé, desta vez pode partir a minha perna, mas a marcha vai sair”, desafiou. Na nova petição, recebida hoje pelo gabinete do governador, as promotoras da marcha comunicaram a decisão de “realizar a referida manifestação no dia 28 de Agosto próximo às 15h00, no Largo 1º de Maio [Largo da Independência] mas sem desfile nem cortejo”. Na sua ordem […]

Read more

Realidade vs. Fantasia: Polícia Espanca Mães e Mente

A propaganda oficial desceu ontem para valores negativos na promoção da política governamental de negação da realidade e de difusão de fantasias. A comunicação social do Estado e os órgãos que gravitam em torno desta difundiram declarações de Leonor João, mãe de Afonso Matias “Mbanza Hamza”, segundo as quais a marcha das mães e dos familiares dos 15 presos políticos, incluindo o seu filho, decorreu pacificamente, do Largo da Independência ao Cemitério da Santana. Quem, à partida, desmente essa afirmação é o próprio comandante provincial da Polícia Nacional, o comissário-chefe António Sita, veiculando outras mentiras. Em comunicado emitido no mesmo dia, a 8 de Agosto, ao fim da tarde, o comandante afirmou o seguinte: “O Comando Provincial da Polícia Nacional torna público hoje, cerca das 14 horas e 30 minutos, no Largo da Independência, quando alguns jovens divertiam-se pacificamente naquele local, em alusão aos 40 anos de independência nacional, surgiram […]

Read more

Mães dos Presos Políticos Marcham pela Liberdade dos Filhos

Passam hoje 45 dias sobre a detenção de 14 dos 16 presos políticos encarcerados em Luanda sob a presunção de terem estado a preparar um golpe de Estado contra o presidente José Eduardo dos Santos. Desde então, as autoridades têm-se multiplicado em desculpas e justificações atabalhoadas para justificar as detenções dos 14 activistas e dos dois oficiais das Forças Armadas Angolanas detidos a posteriori (sendo que estes últimos ainda não foram formalmente acusados do que quer que seja). Nos últimos dias, os ministros da Justiça e dos Direitos Humanos, das Relações Exteriores e do Interior, respectivamente Rui Mangueira, Georges Chicoti e Ângelo Tavares, defenderam e reiteraram publicamente que os detidos não são presos políticos. O vice-procurador-geral da República, general Hélder Pita Grós, juntou a sua voz ao coro da negação. Estão detidos Afonso Matias “Mbanza Hamza”, Albano Bingobingo, Arante Kivuvu, Benedito Jeremias, Domingos da Cruz, Fernando Tomás “Nicola Radical”, Hitler Jessia […]

Read more
1 2 3 4 5